A Tratore por aí:

Destaques

Ademir Junior e Baptiste Herbin, O Brasil do Saxofone
Independente

O BRASIL DO SAXOFONE celebra a grande contribuição que o saxofone tem dado à cultura, música brasileira e internacional. O saxofone exerce grande influência sobre amantes da música, incentivando técnica, liberdade sonora e paixão ao ser executada. Essa percepção inspirou o título do projeto, que inicialmente realizou turnê pela França em algumas cidades como Nantes, Rouen e Paris, e posteriormente Brasília, São Luís, Recife, Goiânia, Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro. Gravação ao vivo no Clube do Choro de Brasília com os dois Fenômenos do saxofone internacional: Ademir e Baptiste



Não Sei Fazer Canção de Amor, Natália Matos
Independente

Natália Matos abraça o pop classudo em Não Sei Fazer Canção de Amor e encabeça a safra de artistas paraenses que apresenta trabalhos cosmopolitas ao mesmo tempo que reafirma a excelência na produção de um pop rico em multi-referências, construído majoritariamente na cidade de Belém. Assistida por Léo Chermont (do duo Strobo), que assina a produção, e sob a Direção artística de Carlos Eduardo Miranda, a artista assina 9 das 10 canções deste álbum que amplia horizontes para sua musicalidade e a consolida como compositora.

No Tempo da Chiquinha, Hercules Gomes
Independente

No Tempo da Chiquinha é o segundo álbum do pianista e compositor Hercules Gomes, um trabalho em comemoração aos 170 anos de Chiquinha Gonzaga. Com as participações de Rodrigo Y Castro (flauta) e Vanessa Moreno (voz), Hercules explora as músicas de Chiquinha Gonzaga de forma muito peculiar com arranjos que trazem uma carga de influências de diversos gêneros sem perder, entretanto, a essência do choro.




Top 20 dos últimos 60 dias Veja mais

Em breve Veja mais

   
 
Rádio Tratore
Blog
23 de setembro
Qual é a diferença entre alcance, impressão e engajamento?
por David Dines Muitos artistas que gerenciam suas próprias redes sociais às vezes realizam impulsionamentos sem (…) Leia mais
16 de setembro
4 motivos pelos quais fazer um pre-save
por David Dines O pre-save é uma ferramenta importante dentro de um lançamento musical. Com ele, é possível que o (…) Leia mais
09 de setembro
Como organizar uma audição virtual do seu lançamento
por David Dines A audição sempre foi um evento importante dentro de um lançamento de álbum ou EP, apresentando os (…) Leia mais
Agenda
07 de outubro – 20:00
Juliana Cortes convida Pedro Luís
A cantora curitibana Juliana Cortes lança nos palcos do Teatro Paiol seu terceiro álbum de carreira solo, produzido pelo gaúcho Ian Ramil. Neste trabalho, Juliana Cortes dá um zoom em compositores dos dias de hoje, poemas musicados e canções de ficção, fazendo de"3", seu disco mais experimental. Parte do repertório são obras criadas em residência artística realizada no trânsito Curitiba-Porto Alegre, idealizado pela intérprete, Ian Ramil , Estrela Leminski, Rodrigo Lemos, Gui Becker, Zelito e Guilherme Ceron. Além das canções criadas em coletivo, obras de outros autores completam o programa: Poty Burch, João Salazar, João Ortácio, Pedro Borghetti, Vitor Ramil, Alice Ruiz e Pedro Luís, convidado especial para o show de lançamento.
Vídeos
Flores, Neo, Neo
Uma resenha
Mani Padme Trio, Um Dia de Chuva Independente
João Batista Rodrigues escreveu: Nome indiano, músicos brasileiros e cubanos. Mistura inusitada? Claro que que não! Som coeso, leve e com extrema competência e técnica instrumental. O clima vai mesmo no que diz o título do cd, música apropriada para um sábado de chuva, em casa, ou para qualquer outro dia, para quem gosta de qualidade. O trio prova, mais uma vez, que a formação piano, baixo e bateria é inesgotável, para quem sabe o que quer. Ótima pedida.
Um produto
Mago Trapus, Politica Nacional das Linhas Tortas Independente
Música surgiu durante a gravação do novo álbum da banda Mago Trapus. Os integrantes da banda, quando gravavam o novo álbum receberam estarrecidos a notícia de Brumadinho. Foi pura inspiração para mais uma faixa !