A Tratore por aí:

Destaques

Eduardo Gudin, Valsas, choros e canções
Independente

Valsas, choros e canções é o 18o álbum de Eduardo Gudin e o único que não traz sambas no repertório autoral. São 13 faixas entre choros, valsas e canções, evidenciando uma faceta do compositor (geralmente associado ao samba) talvez menos conhecida, ainda que presente desde seu 1o disco, em 1973. Conceitual como grande parte de sua discografia, Valsas, choros e canções tem um formato musical rigoroso. Cantoras de técnica impecável e instrumentistas, Léla Simões junta seu violino e sua viola e Naila Gallotta seu piano ao violão de Gudin, que fazem a base instrumental e os vocais do disco todo.



Em Movimento, Vanessa Moreno
Independente

Após lançar dois discos em duo ao lado do músico Fi Maróstica na formação de baixo e voz, e de participar de diversos trabalhos com ícones da música brasileira, Vanessa Moreno lança seu primeiro disco solo, intitulado "Em Movimento", onde nos presenteia com uma produção musical impecável, aliando o apuro estético à sensibilidade que a voz e as composições da artista representam. "Em Movimento" percorre a intimidade de sentimentos e a trajetória musical da artista, representando principalmente um movimento de dentro para fora e os aprendizados contidos na inconstância das situações.

Paralelas, Ordinarius
Independente

O Ordinarius visita a História da Música Popular Brasileira, do início do século XX até os dias de hoje, jogando luz sobre importantes compositoras ao longo deste tempo. Chiquinha Gonzaga, Dolores Duran, Rita Lee, Joyce e Teresa Cristina são algumas das compositoras abarcadas na seleção, que prima pelo ecletismo, sem perder a identidade brasileira presente em todos os trabalhos do grupo.




Top 20 dos últimos 60 dias Veja mais

Em breve Veja mais

   
 
Rádio Tratore
Blog
18 de maio
Quando utilizar o termo ?Vários Artistas? em um lançamento?
por David Dines Uma dúvida comum entre músicos em ocasiões de lançamento colaborativo é se há um limite no número (…) Leia mais
11 de maio
Conheça a Qobuz, plataforma francesa de streaming que chega ao Brasil
por David Dines Neste mês de maio, iniciou a operação brasileira da Qobuz, plataforma de streaming de música criada (…) Leia mais
04 de maio
3 dicas de conteúdos para artistas no YouTube Shorts
por David Dines O YouTube Shorts é uma experiência otimizada para celulares no YouTube voltada para vídeos curtos na (…) Leia mais
Agenda
25 de maio – 20:00
Show "Concerto Íntimo" Lançamento do disco Concerto Íntimo, dentro do Projeto Teatro Deodoro é o Maior Barato.
Vídeos
Al Di Là, Mafalda Minnozzi, SPRITZ
Uma resenha
Mombojó, Nada de Novo Independente
JAKOB NOSTRI escreveu: Esse disco são vários discos misturados. E todos muito bons. "Adelaide" vai da bossa nova à jovem guarda sem medo nenhum. E "Faaca" é romântica-tenebrosa na letra e épica no instrumental. Nunca pensei que um disco "com várias influências musicais" pudesse ser tão bom.
Um produto
Dofono de Omulu, Candomblé de Ketu Independente
Claudecy de Souza Santos, mais conhecido no mundo do Candomblé como Dofono de Omulu, nasceu no Rio de Janeiro em 18 de Outubro de 1973. Dofono é presença constante nas festas das Casas de Santo mais tradicionais do Rio de Janeiro, em razão de suas raízes e do seu grande conhecimento da arte de tocar e cantar para os Orixás.